SEJA BEM VINDO À SALA DE DEBATES SOBRE HERESIAS E SEITAS. O conteúdo publicado neste forúm é de inteira responsabilidade do internauta que assina o texto, o site não se responsabiliza pelas opiniões aqui emitidas

Tags: musica igreja gospel seitas falso profecias heresia adorador profeta adventista mormon congregacao
28/02/2007 16:01
De: Israel
IP: 200.204.77.60

Maravilha saber que podemos compartilhar...

Entrei no site central dos levitas e encontrei este endereço. Fico feliz em saber que existe pessoas preocupada com a sauda das músicas evangelicas.
Tenho uma dúvida: Na música de Cassiane que Diz:
Deus não rejeita oração, a oração é o alimento!
A pergunta é: Oração é realmente o alimento?
26/12/2011 11:34
De: Andresa
IP: 189.67.61.193

Re: Re: ADVENTISTA DO 7 DIA É UMA SEITA.

Leia a Biblia pois ela tem todas as resposta!!!
se os adventias são uma seita o que você e?
“Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão, porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão.” Êxodo 20:7
"Não dirás falso testemunho contra o teu próximo."Êxedo 20:16
Se o nome de Deus não for da forma que o chamamos, temos reverencia ao pronuncia o nome dEle, não importa qual nome chamaremos sendo certo ou nao, Ele endendi toda as coisa Ele sabe que estamos clamando por Ele...
28/02/2007 16:33
De: muito bom
IP: 201.93.250.157

Muito bom

Sei que podemos compartilhar muito a respeito da boa musica evangelica. discutir com respeito assuntos de interesses do povo cristao
26/02/2007 12:33
De: Juventude em Alerta
IP: 201.43.212.40

Seitas e Heresias

Estou preocupado com o que está acontecendo em relação a seitas e heresias. Estou precisando de uma ajuda. Alguem pode me informar quais os fundamentos doutrinarios da igreja Adventista do sétimo dia. Porque é considerada uma seita?
Juventude em Alerta
05/03/2007 11:23
De: Gravadora e Studio Nova Geraçã
IP: 201.42.103.188

Re: Muito bom

O site do cantor Jorge Araujo e Eula Paula:
http://jorgearaujoeulapaula.com.br
Email:
produtorja@uol.com.br
Blog:
http://cantorjorgearaujo.blog.uol.com.br
Qualquer informação sobre gravação, ligue ou mande o email para:
gravadorang@uol.com.br ou ligue para o telefone 011-3659-5825 e 7629-3550
Atenciosamente
Suelen
Dpto. de divulgação da Gravadora Nova Geração
30/05/2009 21:23
De: Carlos Roberto
IP: 189.12.175.135

Musica Gospel

DISFARCE MODERNO
   SATANÁS CAMUFLADO EM CD
"Que farei, pois? Orarei com o espírito, mas também orarei com o entendimento; cantarei com o espírito, mas também cantarei com o entendimento"
I Coríntios 14:15
Quando era mais novo e sem a consciência de preservação que tenho hoje, tinha como costume preparar armadilhas para a captura de alguns animais. Hoje já não faço e não aprovo isto! Sei que existem e conheço vários tipos destes artifícios usados pelos caçadores, muitas destas armadilhas são camufladas na intenção única de iludir o animal levando-o a ser apanhado. É crime previsto na legislação ambiental e hoje tenho consciência disto, portanto não as uso.
No meio evangélico, com o advento das tecnologias inovadoras, muitas novidades surgiram no mercado facilitando a vida de muita gente e de todas as igrejas espalhadas pelo mundo. Não que eu seja contra este aparato tecnológico, mas tenho minhas ressalvas pelo que já pude perceber com o uso indiscriminado destas benesses criadas pelo homem. Atrás da tecnologia vieram “armadilhas” sofisticadas que estão aprisionando muita gente! No meio religioso então a coisa ficou complicada, há uma obsessão pelas novidades escravizando a militância e tornando o culto num festival de tecnologia e sofisticação sem precedentes. O barulho se instalou perigosamente em nossas igrejas.
Quero me deter em uma destas “armadilhas” que está sendo usada como camuflagem por Satanás para invadir as igrejas e sorrateiramente impor de forma abusiva as suas táticas de convencimento e de aliciamento de adeptos para os seus projetos. É bom lembrar que ele é especialista na construção deste tipo de coisa e sabe sofisticar para camuflar as suas invenções. A musica é, sem duvida alguma, uma das partes mais importantes do culto, pois é através dela que as pessoas expressam o louvor a Deus e celebram os seus feitos. Ela é parte integrante da adoração e sem ela hoje o culto perderia o sentido e deixaria de existir. E foi exatamente na musica que o inimigo encontrou uma forma sutil de minar a resistência da igreja e por conseqüência de seus membros ao fazer do sonho de se gravar um CD um objetivo que todo mundo busca conquistar a qualquer preço. Foi um tiro certeiro, no alvo.
É ai que entra a “camuflagem”, o Diabo se escondeu atrás da indústria fonográfica e sorrateiramente se apresentou com suas facilidades para que qualquer um, independente de estar ou não comprometido com os princípios verdadeiros da fé, pudesse se aventurar no mercado musical. Assim, em nome da cultura popular, ele abriu as portas para que os mais variados ritmos literalmente invadissem as programações e os cultos de nossas igrejas. Camuflado em CDs, o Diabo encontrou receptividade abrindo as portas para que, em nome do GOSPEL, todo o tipo de composição musical tivesse liberdade para ser executada usando o nome de “musica evangélica”. Os modelos foram literalmente copiados do mundo e introduzidos na igreja em nome da liberdade de expressão e de adoração, banalizando a adoração através da musica no culto.
Quero registrar que não tenho nenhuma oposição ao uso de instrumentos na música religiosa em nossa adoração, desde que eles não sejam dominantes na prática do louvor. Aliás, um instrumento bem tocado também trás alento par o coração e para a alma.
A indústria do CD, patrocinada pelo Diabo, se expandiu com uma velocidade impressionante e o que se vê são pessoas despreparadas em todos os aspectos usando a desculpa de estarem “cantando para Deus” para gravarem aberrações que afrontam a inspiração e os ensinos Sagrados. O que encontramos nas igrejas são pessoas se inspirando nos artistas do mundão, copiando na integra tudo que eles fazem em seus “shows”, tudo com a clara intenção de abocanhar uma fatia no mercado musical religioso. Satanás introduz na igreja apostasias e perversões doutrinárias que teria dificuldade introduzir diretamente não fosse o atalho da musica. Graças à tecnologia, o Diabo leva o mundão aos evangélicos e com sua influência maligna, o discernimento espiritual do cristão se perverteu, a impressão e poder da mensagem divina foram destruídos. O endeusamento de pessoas ficou evidente nos espetáculos montados para que os “artistas da fé” possam mostrar as suas habilidades teatrais.
Segundo especialistas na área de psicologia, não há influência mais poderosa para envenenar a imaginação do ser humano, destruir as impressões religiosas e tirar o gosto pelos prazeres tranqüilos e as realidades sóbrias da vida, do que a musica. Os grandes compositores que o digam! Pois está ai o eficiente disfarce do ministério satânico operando através da ocultação e da invisibilidade, pintando e bordando com aquilo que tínhamos de melhor no louvor a Deus.
Aos que defendem estes novos estilos “gospel”, letras evangélicas com melodias mundanas, fica aqui o alerta, as forças das instrumentalidades satânicas misturam-se com o alarido e barulho, para ter um carnaval, e a isto estão chamando de adoração. Satanás fez da música um estratagema para capturar as suas presas e os seus objetivos estão sendo plenamente alcançados. Para estes defensores do “espetáculo” tudo está certo! Errado é dizer que eles estão errados! O que Deus condena como pecado, eles dizem, “isto é preconceito”; “isto é verdade para aquele tempo”, o pecado para eles está só na cabeça da gente. O verso preferido deles é: “Não julgueis, para não serdes julgados”. Pois eles TUDO PODEM naquele espírito de falsa popularidade que lhes fortalece! Se o povo achou bom, se dançou; se povo chorou, se o povo gostou; se ouve aleluias ou se povo disse amém, então, é tudo Santo! Em nome de Deus, vale qualquer coisa. A bandeira que hasteiam é: “A VOZ DO POVO É A VOZ DE DEUS!”
Hoje, graças à tecnologia dos CDs a igreja nem canta, a maioria apenas dubla ou canta mecanicamente, e são poucos os irmãos que conhecem algum hino do saudoso e falecido “Cantor Cristão”...  Será que alguém se lembra dele? De tanto se apoiar nas confortáveis muletas eletrônicas, a igreja está ficando paralítica! Está capengando e não se dá conta disto! Quanta saudade do “Castelo Forte”!
A musica quando empregada para “fins bons” é uma bênção, mas é muitas vezes usada como um dos mais atrativos instrumentos de Satanás para enganar as pessoas. Quando mal empregada, leva os não consagrados ao orgulho, à vaidade, à tolice e ao estrelismo. Quando se lhe permite tomar o lugar da devoção e da adoração, é uma terrível maldição. A música sacra está se perdendo na sua beleza pela subserviência exacerbada do cristianismo aos caprichos de Satanás. Você pode estar argumentando que “todo mundo faz” para justificar a sua opção. Até onde sei e a Bíblia ensina, não seguimos o que o mundo faz, seguimos Aquele que fez o mundo, e tudo que nele há, portanto precisamos ter bons critérios na definição de nossos padrões na nossa relação com Deus.
Cantamos que queremos “voltar ao primeiro amor”, mas na prática fazemos exatamente o contrário, corremos para o mundo num casamento perfeito com as suas práticas. Por tudo isto, pela volta às origens da “verdadeira musica” e do “verdadeiro louvor” é que deixo aqui o meu protesto e a minha indignação pela maneira como as nossas igrejas rotuladas de “cristãs” estão se aliando ao inimigo e permitindo que ele dite as regras quando o assunto é adoração e louvor no meio evangélico. Afinal, estamos temporariamente no mundo para “mudá-lo” e não para “sermos mudados” e “moldados” por ele. Neste caso, “retroceder” é preciso! Lembrando que para esta armadilha está em vigor, mesmo não sendo respeitada, a “lei da racionalidade” registrada nas Escrituras: “Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente pra que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus” - Romanos 12: 1 e 2.
Atenção! Se você como eu gosta da boa música, multiplique esta idéia repassando este E-mail.
Carlos Roberto Martins de Souza
crms1casa@hotmail.com
21/04/2011 14:46
De: seitas
IP: 186.252.138.127

NOTA DE FALECIMENTO DO PR. CARLOS PADILHA

O NOTA DE FALECIMENTO DO PR. CARLOS PADILHA
É com pesar, que informamos a promoção às mansões celestiais, do Pastor JOÃO CARLOS PADILHA DE SIQUEIRA, pastor presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério do Belém Campo de Presidente Prudente – SP, campo eclesiástico responsável por cerca de 170 congregações, desde o ano de 2005, quando sucedeu seu pai Pr. Carlos Padilha, ainda hoje Presidente de honra do Ministério.

JOÃO CARLOS PADILHA DE SIQUEIRA tinha 45 anos, Bacharel em Direito e Teologia reconhecido pelo MEC, também segundo secretário da CONFRADESP – Convenção Fraternal e Interestadual das Assembléias de Deus no Estado de São Paulo (Belenzinho – SP) e Presidente do Conselho Fiscal da CGADB – Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil.

Antes de presidir o campo da AD em Presidente Prudente, João Carlos Padilha pastoreou Mirante do Paranapanema, onde construiu um grande templo e também o campo da AD no município de Piedade – SP.

Era casado com Márcia Padilha e deixa três filhos, a saber, Maressa, Marciele e João Carlos Padilha Filho.

O falecimento aconteceu por volta das 4,45h da madrugada de hoje. O corpo estará sendo velado no templo Sede Regional da Assembléia de Deus em Presidente Prudente, situado á Rua Bella, 161 - Vila Ocidental - Presidente Prudente/SP - CEP 19015-260 - (018) 3334-5620, e o sepultamento está programado para amanhã, 22.04.2011 – sexta-feira, às 10h.

Á família, igreja e ministério, tanto de Presidente Prudente como do Brasil, registramos nosso pesar e os votos de que o Espírito Santos possa consolar a todos.

"Bem aventurados aqueles que desde já dormem no Senhor"
05/07/2009 10:29
De: MISSAIDEUSEUEVOCE
IP: 189.31.153.159

MISSAO

GRAÇA E PAZ  !!!!!
         SIM AMADOS VAMOS FALA DE MISSAO???  COMO ESTA  OTRABALHO    OBRIGADO    MISS.NETA
10/03/2007 13:01
De: Valdir
IP: 201.42.99.186

Jesus Cristo voltará em 2007?

Adaptado pelo Prof. João Flávio Martinez
“Jesus voltará no ano de 2007 num dia de sábado...”
        Uma afirmativa dessa é sem dúvidas comprometedora e herética!  Mas ao contrário do que alguém pode conjecturar, esse descalabro não foi arvorado por algum líder das Testemunhas de Jeová ou de qualquer outra seita, mas por uma preeminente líder evangélica – Valnice Milhomens. A profecia teria sido divulgada num programa televisivo antes de seis de janeiro de 1992, data em que o Pastor Paulo Romeiro, por escrito, convidou referida pastora para uma conversa em torno do assunto. Paulo Romeiro, falando em nome do Instituto Cristão de Pesquisas, diz possuir "quase todos os seus vídeos e a prova desta afirmativa". (Confira os livros de Paulo Romeiro: "Supercrentes", Ed. Mundo Cristão, página 24 e "Evangélicos em Crise" nas páginas: 183 até 191).  A volta de Jesus é um evento muito especial e tão ansiosamente esperado pelo povo de Deus, que não nos cabe alimentar falsa expectativa. As falsas expectativas poderão causar prejuízos às pessoas. Projetos de vida podem ser defeitos; muitos podem cancelar seus estudos; alguns jovens poderão ficar ansiosos por dedicar mais tempo ao Senhor, aproveitando tempo que resta, etc.  A Bíblia não apóia essas profecias acerca de data para o retorno do Senhor Jesus. Vejam o que Ele mesmo disse: “Porém, a respeito daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, nem o Filho, mas unicamente o Pai. E, como nos dias de Noé, assim, será também a vinda do Filho do Homem. Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, e não perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do Homem. Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor. Por isso, estai vós apercebidos também, porque o Filho do Homem há de vir à hora em que não penseis” (Mt 24.36-44). “Não vos pertence saber os tempos ou as épocas que o Pai estabeleceu pelo seu próprio poder” (At 1.7). “Pois vós sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite” (1 Ts 5.2; 2 Pe 3.10). “Será um dia singular conhecido do Senhor” (Zc 14.7).
        A Bíblia revela enfaticamente que ninguém sabe a data do retorno do Senhor Jesus. Desculpem-me pela prolixidade, mas se Jesus disse que ninguém sabe é porque ninguém sabe mesmo e ponto final. Deus teria revelado essa data a uma ou mais pessoas, excepcionalmente? Jesus não teria falado a verdade? Ele sabia que dois mil anos depois o Pai revelaria essa data a uma pessoa ou a um grupo, mas resolveu não divulgar? Impossível. Jesus foi categórico. A Palavra não deixa dúvida. Jesus virá quando menos se espera e de surpresa, repentinamente, sem aviso prévio.
        À vista da profecia sob comentário, já podemos fazer algumas suposições. A profecia diz que Jesus virá num sábado de 2007. O primeiro sábado desse ano cai no dia seis de janeiro. O último, em vinte e nove de dezembro. Portanto, se correta a profecia, Jesus retornará entre de 6.1 a 29.12.2007. Os sábados do ano de 2007 são os seguintes. Em janeiro, dias 6,13,20 e 27; em fevereiro, dias 3,10,17 e 24; em março, 3,10,17,24 e 31; em abril, 7.14,21 e 28; em maio, 5.12,19 e 26; em junho, 2,9,16,23 e 30; em julho, 7.14,21 e 28; em agosto, 4.11,18 e 25; em setembro, 1.8.15.22 e 29; em outubro, 6.13,20 e 27; em novembro, 3.10,17 e 24; em dezembro, 1.8,15,22 e 29. Portanto, com base nessa profecia, o retorno de Jesus torna-se previsível. A cada sábado, a partir de zero hora, a trombeta supostamente poderá soar. Vamos esperar. Faltam alguns meses para o início do ano de 2007. O primeiro sábado será no dia seis de janeiro. Vamos entrar em contagem regressiva.
Fonte consultada: http://www.ejesus.com.br/exibir.php?arquivo=5473
Airton Evangelista da Costa
10/03/2010 10:32
De: Romualdo Farinelle
IP: 189.64.198.173

ADVENTISTA DO 7 DIA É UMA SEITA.

Síntese Histórica:
No princípio do século dezenove houve um despertamento de interesse pela Segunda vinda de Cristo entre os cristãos. Guilherme Miller, pastor batista no Estado de Nova Iorque, dedicou-se ao estudo detalhado das escrituras proféticas. Convenceu-se de que Daniel 8.14 se referia à vinda de Cristo para "purificar o santuário". Calculando que cada um dos 2.300 dias representava um ano, tomou como ponto de partida a carta de regresso de Esdras e seus compatriotas a Jerusalém e 457 a.C., e chegou à conclusão de que Cristo voltaria à terra em 1843, Isto foi em 1818.
O fracasso de Miller:
Por um quarto de século, Miller proclamou a mensagem para classes especiais a cristãos de diferentes Igrejas. O interesse dos crentes em relação à mensagem era crescente e o número deles ia de cinqüenta a cem mil pessoas preparando-se para o fim do mundo. Muito crentes doaram suas lavouras, e se prepararam para receber o Senhor no dia 21 de março de l843. Chegou o dia e o evento esperado não aconteceu.. Miller revisou os seus cálculos, descobriu um erro de um ano. Devia ser no dia 21 de março de l844. Ao chegar essa data, nada aconteceu. Uma vez mais um novo cálculo indicou que seria o dia 22 de outubro de mesmo ano. Porém essa previsão também falou.
O Arrependimento de Miller:
Guilherme Miller, dando toda a prova de sua sinceridade e honradez, confessou simplesmente que se havia equivocado em seu sistema de interpretação bíblica. É preciso certa grandeza de alma, ou graça do Senhor para reconhecer abertamente seu próprio erro. Miller a teve e não mais tratou de defender a interpretação que havia proclamado por um quarto de século. Porém nem todos os seus discípulos estavam dispostos a abandonar a sua mensagem. Dos muitos que o haviam seguido, três se uniram para formar uma nova Igreja, baseada numa nova interpretação da mensagem professada por Miller.
O desenvolvimento da seita
O dia depois "da grande desilusão", Hiram Edson um fervoroso discípulo e amigo pessoal de Miller, teve uma "revelação". Nela compreendeu que Miller não estava equivocado em relação a data, mas sim em relação ao local. Disse que Cristo havia entrado no dia anterior no santuário celestial, não no terrenal, para fazer uma obra de purificação ali. Edson partilhou com outros membros de seu grupo as "boas-novas". Outros dois grupos se uniram a essa nova revelação: um dirigido por Joseph Bates que dava ênfase a guarda do Sábado e outro dirigido por Hellen G. White, que dava ênfase aos dons do Espírito.
a) As revelações de Helen White:
As revelações de Helen White tiveram muito que com a formação das doutrinas dos adventistas, e seus escritos prolíficos contribuíram grandemente para a expansão da Igreja. Ela e seu esposo disseminaram amplamente seus ensinos proféticos e doutrinários por meio de revistas e livros. Embora a Igreja adventista afirme que a Bíblia é sua autoridade doutrinária, ainda crê que Deus inspirou Helen White em sua interpretação das Escrituras e em seus conselhos, conforme se encontram em seus livros.
b) Obras da Sra White:
Como já dissemos, os livros da Sra. White são considerados "inspirados" por Deus e no mesmo nível da Bíblia, que citam apenas para comprovar o que ensinam, buscando versículos ou passagens isoladas. O livro "o grande conflito" é considerado a obra prima da Sra. White e recomendam-no largamente. Tal livro já foi editado em mais de 30 línguas com uma vendagem superior a dois milhões de exemplares. Entre outras obras, as mais importantes são: Vida de Jesus, Patriarcas e Profetas, Veredas de Cristo, O desejado de Todas as Nações.
c) Os nomes da Seita:
Os adventistas do sétimo dia já usaram através dos tempos os seguintes títulos: Igreja Cristã Adventista (1855); Adventistas do Sétimo dia (1860); União da Vida e Advento (1864);Igreja de Deus Adventista (1866); Igrejas de Deus Jesus Cristo Adventistas (1921); Igreja Adventista Reformada; Igreja Adventista da Promessa; Igreja Adventista do sétimo dia ( Atual). Existem outros grupos como Igreja Adventista da Promessa, Igreja Adventista do pacto, etc, porém o mais importante é a Igreja Adventista do Sétimo dia, conhecida como Sabatista ou Sabatismo.
As Doutrinas do Adventismo
Os sabatistas misturam algumas verdades com seus abundantes erros, daí poder enganar aos que com sinceridade se lançam em busca da verdade. Normalmente, citam a Bíblia, porém sem o cuidado de examinar o contexto. Embora muitas de suas doutrinas sejam ortodoxas, existem outras que desviam o crente do caminho real. Convém que os membros das Igrejas evangélicas conheçam essas doutrinas e saibam como refutá-las, tendo em vista que eles também se dedicam ao proselitismo entre as Igrejas Evangélicas. Veja Mt 23.15
a) A expiação incompleta:
Os adventistas ensinam que Jesus entrou no santuário celestial no ano de 1844, e agora está cumprindo a obra de expiação. Esta doutrina a expiação incompleta e contínua é uma tergiversação das Escrituras num esforço para justificar as previsões errôneas de Miller. Não duvidamos da sinceridade dos que creram haver achado uma solução para o problema nessa "revelação" de Edson, porém ela não concorda com as Escrituras. A Bíblia ensina que Jesus penetrou no santuário celestial ao ascender ao céu e não no ano de l844. (Hb 6.19,20;8.1,2; 9.11,12, 23-26; 10.1-14).
b) Nossos pecados lançados sobre Satanás?
Os adventistas ensinam que o bode emissário (ou bode para azazel) de Levíticos 16.22,26 simboliza Satanás. Todas as nossas iniqüidades serão carregadas pelo diabo. Segundo eles durante o milênio, Satanás, levará sobre si a culpa dos pecados que fez o povo de Deus cometer, e será confinado e esta terra desolada e sem habitantes. Parece fantástico que alguém que se diz evangélico aceite doutrina tão contrária ao evangelho. Será que não se dão conta das implicações de tal ensino? Isto faria o diabo nosso co-salvador com Cristo, a expiação de nossos pecados seria realizada em parte por Cristo e em parte por Satanás. O simbolismo real desta passagem mostra Cristo levando sobre si os nossos pecados. Veja Jo 1.29; Is 53.6; Hb 10.18; J0 19.30; 2 Co 5.21; Rm 8.32.
c) O Sono da Alma:
Os adventistas ensinam que as almas dos justos dormem até a ressurreição e o juízo final. Este "sono da alma" é um estado de silêncio, inatividade e inteira inconsciência" . Baseiam esta crença principalmente em Eclesiastes 9.5, que diz: "Os mortos não sabem coisa nenhuma". O contexto demonstra que o autor deste versículo está falando sobre a relação dos mortos com a vida terrena e não sobre o estado da alma depois da morte. Leia os versículos 4 a 10 desse capítulo. Provas bíblicas da consciência da alma depois da morte acham-se nas palavras de Paulo quando diz que ao deixar o corpo estaria com o Senhor, cf. Fp 1.23,24 2 Co 5.1-8). Veja também Lc16.19-31; Lc 23.43. No monte da transfiguração, Moisés não estava "silencioso, inativo e totalmente inconsciente" enquanto falava com Cristo, cf. Mt 17.1-6. Veja ainda Ap 6.9-11. Etc.
Outras crenças errôneas
Normalmente, as crenças de uma seita ou religião baseiam-se em motivos muito fortes relacionados a experiências de seus fundadores, ou livros escritos e interpretados por eles. Nesse caso, os escritos dos fundadores tornam-se regra de fé e prática. No adventismo, como em outras seitas, temos verificado que os escritos de seus fundadores continuam sendo seus sustentáculos doutrinários, independentes da Bíblia.
a) A aniquilação de Satanás e dos maus:
Os adventistas ensinam que Satanás seus demônios, e todos os maus serão aniquilados, completamente destruídos. A Senhora White diz que a teoria do castigo eterno é "uma das doutrinas falsas que constituem o vinho das abominações da Babilônia". Jesus Cristo usou a mesma palavra para referir-se à duração das bênçãos dos salvos e os tormentos dos perdidos em Mt 25.46: Eterno. Além disso, ele não disse aniquilação eterna, mas castigo eterno. Veja Também Mc 9.43,44. Em Ap 14.10,11, vemos que os adoradores do Anticristo serão atormentados "e o fumo de seu tormento sobe pelos séculos dos séculos". Isto não parece com aniquilação. Confira ainda: Ap 19.20; 20.2,7,10,15 etc.
b) A observância obrigatória do Sábado:
Os adventistas ensinam que os cristãos devem observar o Sábado como o dia de repouso, e não o Domingo. Crêem que os que guardam o Domingo aceitarão a "marca da besta". A senhora White ensina que a observância do Sábado é o selo de Deus. O selo do Anticristo será o oposto a isto, ou seja, a observância do Domingo. Vemos, pois, que o Sábado é uma parte do pacto especial feito entre Deus e Israel (Ez 20.10-13). O próprio Moisés explicou que era uma memorial de sua libertação da terra do Egito. Ao repousar de seu trabalho semanal, deviam recordar como Deus lhes havia dado o repouso da dura servidão do Egito ( Dt 5.12-15).
c) O Sábado foi abolido:
A palavra profética previa a chegada do Novo Concerto (Jr 31.31-33) e o fim do Sábado (Os 2.11), que se cumpriu em Jesus(Cl 2.14-17). Por essa razão, o Sábado não aparece nos quatro preceitos de Atos 15.20,29. O texto de Colossenses 2.16,17 deita por terra todas as teses dos adventistas. Paulo parece que está escrevendo aos adventistas quando escreve aos Gálatas e trata de livrá-los dos enganos dos judaizantes que queriam fazê-los guardar a lei. O livro inteiro ressalta que a salvação não é pelas obras da lei, mas pela fé em Cristo. Faz menção da observância de certos dias como uma parte da escravidão da lei (Gl 4.3-11)./ Cristo é o fim da lei ( Rm 6.14; 10.4).
Conclusão:
O discutir com os adventistas não dá nenhum bom resultado. Estão bastante preparados para discutir e convidam a discussão. Recorde-se que as discussões somente fazem que a pessoa resolva defender melhor a sua própria doutrina. É quase certo que o adventista citará Ap 14.12 e 1 Jo 2.4, para provar que devemos guardar o Sábado. Para isto devemos mostrar-lhes quais são os andamentos de Deus no Novo Testamento. Que ele mesmo leia 1 Jo 3.23; Jo 6.29; Rm 4.5; Gl 2.16; Jo 13.34,35; 5.10 e Rm 13.8-10; Ap 22.14. Procure fortalecer sua fé na obra perfeita de Cristo e guiá-los a um repouso perfeito nele, fazendo-os ver que agora a pessoa pode ter a certeza da salvação.
Seu IP: 18.208.186.19 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)